Os alimentos que são considerados termogênicos naturais, devem estar presentes na dieta de quem deseja não apenas perder gordura e emagrecer, mas se manter saudável, já que possuem diversos benefícios para saúde. Veja agora quais são os melhores nessa lista abaixo e inclua hoje mesmo em sua alimentação.

Creatina monohidratada Grande Atleta Suplementos

Cada vez mais as pessoas buscam ficar num peso adequado, para entrar nos padrões de beleza da nossa sociedade e, acima de tudo, para ter saúde. Um termogênico natural é um potencializador desse processo de emagrecimento.

Isto porque o termogênico natural nada mais faz do que influenciar no seu gasto calórico, como vamos ver aqui hoje. Incrementá-los na sua alimentação pode fazer toda a diferença. Então siga lendo e descubra quais são os 20 melhores termogênicos naturais a seguir:

pelo menos um presente em boa quantidade para emagrecer mais rápido.

Os 20 melhores termogênicos naturais

Até aqui, já ficou bem evidente como funciona na prática um termogênico natural, não é mesmo?

Eles fazem bem para a saúde, por conta de seu alto valor nutricional, e ainda ajudam na perda de peso, sem ter efeitos colaterais. Veja a lista:

1. Café

Café

A opção de consumo do café deve ser feito com cautela e não ser adoçado com açúcar simples, prefira adoçantes naturais como stevia, xilitol ou eritritol, ou para quem se acostumar, sem adoçar, apenas com canela em pó, por exemplo.

A cafeína está presente em 100% dos principais suplementos termogênicos, conheça a lista completa dos melhores clicando aqui.

2. Frutas vermelhas

frutas vermelhas

Começando por um grupo com ação de termogênico natural, temos as frutas vermelhas (morango, goji berry, framboesa, entre outros).

Eles são abundantes em vitaminas como a C, contém baixa caloria em geral e dão saciedade.

3. Gengibre

gengibre

Um termogênico natural que ocupa uma posição de destaque é o gengibre, a partir de uma substância chamada gingerol.

Ele pode ser utilizado tanto como tempero de alimentos quanto na forma de chás.

Não é por acaso que muitos dos suplementos termogênicos, os famosos queimadores de gordura, utilizam em sua composição o extrato de gengibre, é graças a sua ação termogênica capaz de ajudar na queima de gordura e emagrecimento. Clique aqui para  conhecer a lista completa dos melhores queimadores de gordura.

4. Canela

canela
X-Poten Grande Atleta Suplementos

A canela é é um ótimo termogênico natural e de certa forma, similar ao gengibre. Também tem um uso bastante diverso e, claro, funciona como termogênico natural.

Ela ainda estimula a secreção de insulina, hormônio capaz de controlar os níveis de glicose na corrente sanguínea. Também é outra substância presente em alguns termogênicos e inibidores de apetite.

5. Guaraná

guarana em po

O guaraná pode ser encontrado em diversas formas, mas use sempre o natural – refrigerante não adianta.

Ele é uma fonte importante de substâncias termogênicas como a cafeína, além de ter gorduras boas e ser um anti-inflamatório.

6. Chá verde

cha verde

O chá verde é outro dos clássicos quando o assunto é termogenia por alimentação. Ele tem uma alta dosagem de cafeína, substância que tem esse efeito no corpo. Além disso, o chá verde promove a diurese, combatendo a retenção de líquidos e desinchando. Não poderia faltar o café nessa lista.

Como vimos anteriormente, o café é o principal componente no chá verde e do guaraná que os tornam ótimos termogênicos, e consumir a bebida ao longo do dia, também irá trazer todos os benefícios no emagrecimento e controle do apetite.

7. Alho

alho

O alho também entra nessa lista de termogênicos naturais, pois possui estudos que mostram que além de estimular o metabolismo e aumentar a temperatura corporal,  também ajuda a manter os níveis de insulina baixo. Algo muito recomendado para quem exagerou durante muitos anos, no consumo de açúcares simples.

8. Óleo de coco

óleo de coco

Uma boa fonte de óleo vegetal é o óleo de coco, que induz a termogênese. Esse alimento, por outro lado, deve ser consumido com um pouco mais de moderação, sem exageros.

9. Pimenta vermelha

pimenta vermelha

A pimenta vermelha é um termogênico natural por conta de um composto chamado capsaicina que ela contém.

A capsaicina (veja estudo aqui), que é o que dá o sabor picante, tem o efeito de aumentar a temperatura do organismo, além de ser um bom antioxidante. Também tem estudos que mostram que a pimenta vermelha ajuda a controlar o apetite.

10. Brócolis

brócolis

O brócolis por ser rico em antioxidantes, fibras, cálcio e vitamina C, ajuda a eliminar toxinas, desinchar o corpo e ainda fortalecer o sistema imunológico, com isso, cria um ambiente favorável para acelerar o metabolismo e ajudar na queima de gordura e emagrecimento. 

11. Abacate

abacate

Assim como o óleo de coco, o abacate deve ser consumido com certa moderação. Isto porque, apesar de ser termogênico, ele tem muita gordura, prejudicial se for ingerido com alta frequência.

12. Aveia

Aveia

O motivo da aveia ser um ótimo termogênico natural também a torna ótima por outro motivo.

A digestão dela exige que o organismo gaste muita energia durante o processo, levando à termogênese. Isto também a faz ficar presente no estômago por mais tempo, dando saciedade.

13. Castanhas

Castanhas

De modo similar à aveia, as castanhas também são termogênicas e também dão saciedade. Uma dica é inseri-las nos seus lanches ou, de forma alternativa, como parte da salada.

14. Cravo da Índia

Cravo da Índia

O cravo da Índia faz bem para a saúde por muitos motivos. Neste caso em particular, ele atua na perda de peso por elevar a temperatura corporal.

15. Iogurte

Iogurte

Alimentos com cálcio estão sendo associados como termogênico natural. O iogurte é naturalmente um deles. Prefira os naturais, porque também estimulam o sistema digestivo.

16. Vinagre de maçã

vinagre de maça

Para quem gosta de temperar a salada, o vinagre de maçã é a solução perfeita. Além de saboroso, tem compostos similares ao da pimenta.

17. Chia

Chia

Assim como a aveia, a chia é um termogênico natural, dá saciedade por mais tempo e ajuda a emagrecer. É uma boa opção para saladas e lanches.

18. Linhaça

Linhaça

Rica em ômega 3, a linhaça faz muito bem para o corpo. Também o estimula a funcionar em termogênese e dá saciedade, como a chia e a linhaça.

19. Chá de hibisco

Chá de hibisco

Assim como o chá verde, o chá de hibisco tem sido associado ao processo termogênico. Indica-se até 3 xícaras por dia.

20. Cacau

cacau

O cacau aumenta o metabolismo, sendo assim um termogênico natural. Se for comer bombons, coma com moderação, e prefira os 100% cacau ou meio amargo, pois o chocolates ao leite possuem muita gordura que ao invés de ajudar, podem ter o resultado inverso e acabar engordando ainda mais se consumidos em excesso.

O que é termogênico natural?

Termogênicos naturais são encontrados em alimentos específicos e suplementos termogênicos, também conhecidos de queimadores de gordura em sua forma concentrada, como citamos logo no inicio como no caso a cafeína, mas outra substância também bastante conhecida e considerada um superalimento, é a spirulina e possui ação emagrecedora.,

Essas substâncias naturais são essenciais para quem busca emagrecimento eficaz, pois elas ativam a termogênese, aumentando o gasto energético do corpo e otimizando a queima de gordura.

Integrá-los à dieta, especialmente com exercícios regulares, é chave para resultados expressivos na perda de peso.

Descubra como incorporá-los ao seu plano alimentar e potencialize sua jornada de emagrecimento.

Para que servem?

Dito isso, afinal, para que serve um termogênico natural? A resposta mais simples e curta, é claro, é que ele serve para emagrecer. Mas agora podemos ir um pouco mais à fundo, para por que e quando utilizá-los.

Dizer que determinada substância é termogênica significa afirmar que ela influencia na temperatura do corpo. E isso está diretamente relacionada ao gasto energético, que se dá sob a forma de calorias.

Pense em quando você se alimenta. O que você está fazendo é ingerir uma série de nutrientes e macronutrientes, sendo que os carboidratos, por exemplo, vão se transformar em açúcar.

O que o corpo vai fazer é utilizar esse açúcar, também chamado de glicose, como fonte de combustível para o gasto de energia.

Afinal de contas, nosso corpo atua como se fosse uma usina, que precisa gerar energia para continuar em funcionamento.

Digamos que você consome duas mil calorias por dia, que é mais ou menos o padrão. Só que, em vez de ingerir alimentos que totalizem duas mil calorias, você come um total de duas mil e quinhentos.

O que vai acontecer com aquelas quinhentas calorias restantes? Pois bem, seu organismo vai entender que hora de estocar este excedente, para o caso de faltar no futuro. E esse excedente fica guardado na forma de gorduras – sobretudo a localizada em regiões abdominais, glúteos, coxas, etc.

O termogênico natural serve para lidar com isso. O que ele faz, aumentando a temperatura do corpo, é induzir o seu organismo a precisar gastar mais do que aquelas duas mil calorias que você gastava antes, aqui em nosso exemplo.

Resumindo, funciona assim:

  1. Há a ingestão do alimento;
  2. Ele é utilizado como forma de energia;
  3. O excesso fica armazenado como gordura;
  4. O termogênico natural auxilia a queimar essa gordura.

Como agem os termogênicos naturais?

Até aqui demonstrei como atua uma substância termogênica de maneira geral. A lógica de atuação de um termogênico natural é a mesma: ele faz seu corpo ficar numa temperatura maior, exigindo um gasto calórico mais elevado pelo seu organismo.

Então ele ajuda com que você consuma mais energia do que antes. A diferença é que, por ser um termogênico natural e não proveniente de nenhum químico, ele não faz mal nenhum ao corpo. É completamente sem efeitos colaterais.

Isso porque o termogênico natural é um alimento como os que você está habituado a ingerir no dia a dia.

A ideia, aqui, é saber como inseri-los na sua dieta, tendo sempre

Referências:
Lee MS, Kim IH, Kim CT, Kim Y. Reduction of body weight by dietary garlic is associated with an increase in uncoupling protein mRNA expression and activation of AMP-activated protein kinase in diet-induced obese mice. J Nutr. 2011 Nov;141(11):1947-53. doi: 10.3945/jn.111.146050. Epub 2011 Sep 14. PMID: 21918057.
Janssens PL, Hursel R, Martens EA, Westerterp-Plantenga MS. Efeitos agudos da capsaicina no gasto energético e na oxidação de gorduras no balanço energético negativo. PLoS One . 2013; 8 (7): e67786. Publicado em 2 de julho de 2013. Doi: 10.1371 / journal.pone.0067786
Ludy MJ, Mattes RD. Os efeitos de doses de pimenta vermelha hedonicamente aceitáveis ​​sobre a termogênese e o apetite. Physiol Behav . 2011; 102 (3-4): 251-258. doi: 10.1016 / j.physbeh.2010.11.018

Nossa equipe está muito bem representada por grandes profissionais ligados a musculação e esportes de alto rendimento. Contamos com Educadores físicos, Nutricionistas Esportivos, Fisioterapeutas e Médicos.

Deixe um comentário