fbpx

Escreva para pesquisar...

Suplementos para ganhar Massa Muscular

Hipercalórico: Para que serve, como tomar, se engorda e o melhor

Você já conhece o suplemento Hipercalórico? Qual sua composição, efeitos para quem faz musculação e se pode ganhar gordura? Veja agora esse guia completo e não cometa erros. 

HipercalóricoQuando alguém fala em dieta ou suplementação, o que vem à cabeça de muita gente é seus efeitos no emagrecimento ou ganho de massa muscular.

Uma grande quantidade de pessoas busca as mais diversas maneiras de queimar gorduras, perder peso e hipertrofiar, por isso boa parte do mundo fitness está concentrado nesse lado.

No entanto, existem também indivíduos que querem exatamente o oposto: ganhar calorias e até um pouquinho de gordura. É claro que quem deseja isso não quer engordar bastante, mas sim ganhar peso com qualidade (massa muscular) e mais energia para treinar também.

As pessoas com o metabolismo muito acelerado como ectomorfos, por exemplo,  ou que não têm tempo de realizar uma dieta específica para ganho de músculos são as que costumam consumir o suplemento Hipercalórico, feito exatamente para isso.

Neste texto, aprenda tudo o que você precisa saber sobre o Hipercalórico. Qual é sua composição? Quais são todos seus benefícios? Existem contra indicações? E efeitos colaterais? Descubra tudo isso a seguir!

O que é o hipercalórico?

O Hipercalórico é um suplemento alimentar que possui um valor energético bem elevado, assim como uma alta concentração de proteínas e carboidratos.

Ele é composto por cerca de 60% de carboidratos, sendo que diversos componentes importantes dividem os 40% restantes.

É claro que essa quantidade de carboidratos pode variar de acordo com o fabricante.

Em alguns casos, o seu valor chega a 80% da composição. Falaremos melhor sobre os componentes gerais mais à frente.

Para que serve?

O suplemento Hipercalórico foi criado pensando em indivíduos que possuem dificuldade em engordar e ganhar massa muscular.

São os que estão no quadro do biotipo ectomorfo como falamos agora pouco – tendem a ser bem magros por mais que comam muito, o que é devido ao seu metabolismo rápido.

Em vez de transformarem as calorias em excesso (adquiridas pela alimentação) em reservas de gordura, os indivíduos de biotipo ectomorfo acabam utilizando essas calorias para fornecer energia ao metabolismo acelerado.

Isso faz com que o tecido muscular e o ganho de massa sejam prejudicados.

Qual é a composição do Hipercalórico?

Normalmente a maioria dos suplementos hipercalóricos são compostos pelos chamados macro e micronutrientes.

Os macronutrientes são os mais necessários ao corpo, como os carboidratos, gorduras, proteínas, entre outros. Já os micronutrientes são os que não precisam de quantidades grandes, como minerais e vitaminas.

A fórmula mais geral do Hipercalórico utiliza de 60% a 80% de carboidratos, 10% a 15% de proteínas e 5% a 10% de gorduras benéficas.

As vitaminas, a creatina, glutamina, minerais e outros nutrientes também costumam estar presentes em números bem menores. Conheça mais sobre os principais ingredientes a seguir:

Carboidratos

A glicose é essencial para o corpo humano. No caso dos atletas, ela serve principalmente para permitir que o organismo consiga absorver proteínas.

Os carboidratos podem proporcionar duas fontes excelentes desta substância: a maltodextrina e a dextrose.

Elas têm um nível glicêmico bem elevado e por isso são absorvidas pelo sistema digestivo com facilidade, em especial a dextrose. Ambas são tidas como ótimas formas de adquirir muitas calorias em um período curto de tempo.

Na maioria dos hipercalóricos vendidos por ai, em sua composição você irá encontrar alguns desses carboidratos em sua composição: maltodextrina, dextrose, waxy maize ou palatinose. Dependendo do fabricante, pode ter um mix desses carboidratos na composição.

Proteínas

Por mais que você queira ganhar peso, obviamente não é a gordura prejudicial que você deseja obter.

É por isso que você deve comprar apenas hipercalóricos de qualidade, que trazem proteínas com um alto valor biológico, como por exemplo o tão conhecido Whey Protein.

As proteínas colaboram muito para o bom funcionamento do sistema digestivo, da mesma maneira que regulam a glicemia e não deixam que a insulina reserve a energia em excesso na forma de lipídios em células de gordura.

Alguns fabricante também possuem um mix de proteínas em seus hipercalóricos, as mais comuns são: a whey protein, albumina, caseína e proteína isolada de soja.

Gorduras boas

Pode ser surpresa para algumas pessoas, mas alguns tipos de lipídios são muito importantes para o nosso corpo, principalmente para o metabolismo.

Elas participam de várias atividades cerebrais, auxiliam na produção de hormônios assim como também podem agir como fonte de energia caso haja falta de carboidratos. Muitos são enriquecidos com ômega 3 e fibras como a aveia.

Quais são os benefícios do Hipercalórico?

Para deixar ainda mais claro, confira a lista abaixo com os principais benefícios relacionados ao consumo dos suplementos hipercalóricos:

1 – Melhora a performance física

Por oferecer tantas calorias a mais para o corpo, o suplemento Hipercalórico proporciona mais energia, ânimo e disposição para exercícios físicos.

Como o desempenho físico melhora, os resultados são mais eficazes e os seus objetivos ficam mais perto.

2 – Ajuda a recuperar os músculos

Por conter uma boa quantidade de proteínas e aminoácidos (essenciais para construir o tecido muscular), o Hipercalórico permite que a massa muscular seja mais resistente, se desenvolva melhor e tenha uma boa manutenção.

3 – Colabora para o equilíbrio da dieta diária

Uma dieta balanceada é fundamental para quem treina diariamente. O problema é quando seu metabolismo é muito rápido e você não consegue reter de forma correta as calorias consumidas.

Isso não apenas prejudica o crescimento da massa muscular, como também pode gerar problemas de saúde. O Hipercalórico proporciona a carga extra de calorias que o corpo dessas pessoas precisa.

O Hipercalórico engorda?

O suplemento Hipercalórico proporciona um aumento da massa magra no corpo se a pessoa estiver fazendo seus exercícios corretamente e consumindo as quantidades certas do produto.

Carboidratos ingeridos em excesso são muito prejudiciais à saúde. Eles não apenas engordam, como também podem gerar uma série de doenças.

Nos primeiros dias de seu consumo, o Hipercalórico pode apresentar um aumento dos níveis de insulina. Já em outros tempos, ele pode acabar gerando hipoglicemia.

Basicamente, o ideal é tomar o Hipercalórico com a dosagem indicada, realizar exercícios físicos todos os dias e ter uma dieta saudável.

Como tomar?

Não existe uma regra geral sobre como tomar o suplemento Hipercalórico.

No entanto, algumas indicações devem ser seguidas: ele deve ser ingerido em conjunto a uma refeição principal que não ofereça nutrientes bons o suficiente para seus treinos.

Os suplementos hipercalóricos costumam ser vendidos na forma de pó, podendo ser misturados à água, shakes, sucos naturais, vitaminas de frutas, entre outros líquidos saudáveis (se for tomar com leite, que seja o desnatado).

Nunca o tome com álcool!

O recomendado para quem pratica treinos intensos e consome apenas o Hipercalórico como suplemento é que ele seja ingerido logo após as sessões de exercícios – de preferência com água.

Procure um nutricionista ou médico de confiança para lhe orientar e tirar dúvidas sobre as quantidades corretas de Hipercalórico para suas necessidades e objetivos.

Quais são as receitas caseiras do Hipercalórico?

Além da suplementação, é possível preparar hipercalóricos em sua casa. Não é difícil de fazer e não sai muito caro.

É possível usar diversos alimentos nas receitas, como iogurte, óleo de coco, frutas congeladas, aveia, dextrose, manteiga de amendoim, entre outros. Confira a seguir as duas receitas mais comuns:

a) Receita nº1

Ingredientes:

  • 1 banana grande.
  • 2 e ½ colheres de sopa de amendoim torrado e moído.
  • 5 colheres de sopa de aveia.
  • 450 ml de leite integral ou leite de coco.
  • 40 mg de maltodextrina.
  • 1 medida do Whey Protein de sua escolha.

Modo de preparo:

Coloque todos os ingredientes juntos no liquidificador e bata bastante até formar um líquido o mais homogêneo possível. Está pronto para beber. As calorias presentes nessa receita estão por volta dos 950 kcal.

b) Receita nº 2

Ingredientes:

  • 500 g de achocolatado.
  • 1 kg de farinha de aveia.
  • 250 gramas de whey protein ou albumina.
  • 250 g de amendoim.

Modo de preparo:

Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata bem. Esta receita fornece até 555 kcal por porção (6 colheres de sopa da substância).

Quais são os efeitos colaterais do suplemento?

Apesar do hipercalórico ser seguro e não apresentar muitos efeitos colaterais quando consumido com cautela e com orientação profissional, é bom deixar claro que os suplementos hipercalóricos podem causar algumas consequências desagradáveis em casos específicos. Veja a seguir:

Pressão arterial baixa:

Pode ser causada pela grande presença do Whey Protein em algumas fórmulas, em especial nos indivíduos que já sofrem com pressão baixa;

Hipoglicemia:

O suplemento pode aumentar abruptamente as taxas de insulina quando consumido em excesso, o que prejudica a quantidade saudável de glicose no sangue, gerando a hipoglicemia.

Normalmente, isso também pode causar fraqueza e desmaios. Procure um médico imediatamente.

Distúrbios digestivos:

Algumas pessoas podem apresentar gases, diarreia, vômitos e náuseas porque não reagem bem à quantidade de carboidratos ou proteínas presentes.

Problemas nos rins: apesar de não conter tantas proteínas quanto outros suplementos, o Hipercalórico pode acarretar problemas renais relacionados à filtragem responsável por excretar metabólitos advindos da digestão proteica.

Quais são os cuidados e contraindicações?

É necessário reforçar a importância de se consultar com um nutricionista ou médico. Apenas eles saberão quanto você precisa consumir para atingir seus objetivos de acordo com seu biotipo físico.

Lembre-se de manter uma dieta saudável e treinar intensamente como fazia antes. Não adianta consumir o Hipercalórico e relaxar nos exercícios físicos, pois isso só causará um aumento de peso na forma de gordura indesejada.

Com relação às contra indicações, os seguintes grupos não devem ingerir o suplemento hipercalórico sem antes buscarem um médico:

  • Indivíduos diabéticos ou com diabéticos na família próxima;
  • Mulheres grávidas ou em fase de amamentação;
  • Quem tem histórico de problemas renais;
  • Pessoas com colesterol ruim elevado;
  • Indivíduos com doenças hepáticas;
  • Pessoas que estão em tratamento com algum medicamento controlado.

O que achou do suplemento hipercalórico? Acha que é o que você precisa para atingir seus objetivos? Caso tenha dúvida, pergunte logo abaixo.

É bom lembrar que este é um suplemento bem específico e se não for consumido corretamente ou sem treinos intensos, você pode acabar engordando sem necessidade.

Antes de iniciar o uso desse ou qualquer outros suplemento. Consulte um médico ou nutricionista.

Qual o melhor? Deixe seu relato

Já utilizou alguma marca? Qual considera o melhor hipercalórico do mercado? Como foi sua experiência? Deixe seu relato logo abaixo!

Não esqueça de compartilhar esse artigo em suas redes sociais e manter seus amigos também informados.

Abraços e Bons treinos.

Referências:


Veja também nossos artigos mais acessados:

Whey Protein – Você precisa ler isso!

BCAA – Para que serve e benefícios

Creatina – Qual a melhor? Veja lista

Termogênico – Saiba tudo!

Tribulus Terrestris – Veja 10 Benefícios [REVELADOS]

L Carnitina Emagrece? Funciona mesmo? [ATUALIZADO]

Melatonina – O que é, para que serve [ATUALIZADO]

ZMA – O que é e para que serve [TUDO REVELADO]

Glutamina – O que é e para que serve [Veja 11 Benefícios]

Suplementos Alimentares: O que são e para que servem

Orlistat – O que é e para que serve [ATUALIZADO]

Treino de Musculação para Hipertrofia – [21 DICAS]

Maca Peruana: O que é, Para que Serve, Benefícios e Como tomar


Equipe Grande Atleta

Nossa equipe está muito bem representada por grandes profissionais ligados a musculação e esportes de alto rendimento. Contamos com Educadores físicos, Nutricionistas Esportivos, Fisioterapeutas e Médicos.

  • 1

Você pode gostar também

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *