fbpx

Escreva para pesquisar...

Suplementos para Emagrecer

Picolinato de Cromo emagrece? – Para que serve, Benefícios e Como tomar

O Picolinato de Cromo tem sido muito utilizado por quem deseja perder gordura de forma natural sem prejudicar a saúde. Saiba como ele age no corpo e seus principais benefícios.

Picolinato de CromoO nosso organismo só funcionará bem se estiver em alta com vitaminas e nutrientes, cuja maioria é encontrada através da alimentação equilibrada e saudável. Consumir verduras, frutas, proteínas animais e vegetais sempre ajuda.

Funções

Os sais minerais trabalham muito bem com as vitaminas. Eles não conseguem ser produzidos pelo nosso corpo, por isso precisam ser ingeridos e podem ser encontrados nos alimentos.

Os minerais ajudam o sistema imunológico, a estrutura óssea e muscular, a saúde sanguínea, o crescimento e desenvolvimento da musculatura, entre outros.

Eles ainda previnem doenças e proporcionam um bom funcionamento dos sistemas do organismo.

O cromo é um desses minerais, tendo como foco principal o auxílio à insulina (hormônio produzido pelo pâncreas e responsável por metabolizar o açúcar no sangue).

Nosso corpo precisa obtê-lo para as suas funções essenciais, seja através de dietas ou suplementos alimentares.

O organismo costuma absorver muito bem o picolinato de cromo. Por isso ele é considerado uma boa fonte para se adquirir os benefícios do mineral, como a perda de peso. Saiba mais sobre ele a seguir!

O que é?

O picolinato de cromo é um tipo de mineral essencial encontrado em menores quantidades nos alimentos. Ele está cada vez mais conhecido por agir no controle e na perda de peso.

O mineral age na redução da gordura corporal, assim como aumenta a massa magra. Graças aos cromo, o picolinato pode ajudar nas questões relacionadas à insulina, especialmente em quem ingere glicose excessivamente.

A manutenção da insulina desencadeia uma série de benefícios tanto estéticos quanto saudáveis para o corpo.

Para que serve?

A sua principal função anunciada pelo mercado que tem a ver diretamente com o emagrecimento é proporcionar a sensação de saciedade, o que evita que consumamos calorias diárias de modo excessivo.

O picolinato de cromo também faz parte da medicina alternativa em alguns países, sendo mais usado para reduzir o colesterol ruim e melhorar a distribuição de glicose no sangue.

Hoje em dia, o picolinato de cromo é mais consumido a partir de suplementos, pois neles as quantidades da substância são maiores do que nos alimentos. O ideal, porém, é combinar o uso com uma dieta saudável.

O Picolinato de cromo emagrece mesmo?

Alguns estudos sobre a suplementação do picolinato de cromo mostraram que existem sim vantagens dele para a perda de peso.

Foi verificado que consumi-lo pode gerar perda de mais ou menos 1 quilo da gordura corporal. Apesar disso, por enquanto nenhuma pesquisa evidenciou que o picolinato emagrece sem dieta saudável e a prática regular de exercícios físicos.

Um estudo publicado no “International Journal of Sport Nutrition” (Jornal Internacional da Nutrição Esportiva) testou o suplemento em jogadores de futebol, durante um período de 9 semanas.

Os quesitos analisados foram força, massa muscular e gordura corporal. Ao fim da pesquisa, nenhuma alteração realmente significativa foi notada na composição corpórea ou no desempenho físico nos treinos desses atletas.

Entretanto, vale mencionar que outro estudos feitos com animais realmente mostraram resultados positivos e significativos com relação à perda de peso e a ganho da massa muscular.

para que serve e benefícios do picolinato

Como usar o picolinato de cromo?

Quais são os benefícios?

Entre os benefícios com resultados mais comprovados, podemos mencionar:

1 – Manutenção de processos metabólicos

O picolinato de cromo age no funcionamento de diversas enzimas e atua em equipe com outros minerais diferentes.

Ele também auxilia na captura da glicose pelos tecidos, o que reduz sua concentração na corrente sanguínea e diminui as chances de ela se transformar em reserva de energia do corpo.

2 – Redução de colesterol

Mais um benefício importante do picolinato de cromo é inibir a produção de uma enzima sintetizada pelo fígado, o que por consequência reduz a quantidade de colesterol no sangue.

Isso previne várias doenças e problemas graves, como o entupimento de artérias.

3 – Regulação da glicose

O picolinato de cromo se mostra capaz de agir na manutenção dos níveis de açúcar.

Isso pode reduzir a quantidade de gorduras indesejadas, assim como impedir distúrbios relacionados ao mau funcionamento do pâncreas, que pode resultar em doenças sérias, como diabetes.

4 – Controle do consumo de carboidratos

O mineral atua melhorando o processamento dos carboidratos pelo organismo, permitindo que ele seja convertido em energia para o corpo.

Mesmo assim não devemos exagerar no consumo de alimentos com muitos carboidratos, como bolos, massas, doces, entre outros. Isso porque eles podem ser prejudiciais ao organismo e acabam atrapalhando o funcionamento do cromo.

5 – Saúde cardiovascular

Algumas pesquisas realizadas em 2010 e publicadas nos “Relatórios farmacológicos” mostram que o Picolinato de cromo age contra alguns marcadores de doenças cardíacas, como anormalidades na função vascular e hipertensão.

Isso ocorre porque o suplemento melhora o fluxo do sangue e relaxa os vasos sanguíneos, bem como aumenta a recuperação dos músculos cardíacos depois de um ataque do coração.

Quais são as fontes naturais do picolinato de cromo?

É possível encontrar o mineral de forma natural em diversos alimentos. O problema é que as quantidades achadas neles não são tão significativas assim, pois passam pelos processos industriais e da agricultura.

De qualquer forma, é sempre bom adicionar (com moderação) os seguintes alimentos em sua dieta:

  • Fígado bovino e de frango;
  • Vinho tinto;
  • Maçã (com casca);
  • Levedo de cerveja;
  • Brócolis;
  • Queijo;
  • Nozes;
  • Ameixa;
  • Cereais integrais;
  • Mariscos;
  • Espinafre;
  • Peixes;
  • Cogumelo;
  • Verduras;
  • Laticínios;
  • Gema de ovo;
  • Carne vermelha e de frango;
  • Gérmen de trigo

Lembre-se de que comidas com níveis de sacarose e frutose muito altos devem ser evitadas.

Dosagem e Como tomar o suplemento?

Para quem realiza exercícios físicos diários, a dosagem mais recomendada do picolinato, varia entre 50 a 300 mcg ao dia, consumidos durante as refeições, em especial aquelas que ocorrem antes dos treinos.

No entanto, não é indicado que você inicie a ingestão do suplemento antes de se consultar com um profissional, pois a quantidade pode ser diferente dependendo de suas características, já que não existe uma dose universal.

Lembre-se de nunca exagerar ou ultrapassar a dosagem recomendada. O ideal é que o usuário faça exames de saúde periódicos para avaliar a concentração do mineral no sangue, além dos níveis de açúcar e da insulina.

É sempre bom fazer uma dieta alimentar saudável e exercícios físicos com regularidade para que os benefícios apareçam mais rápido.

como tomar e efeitos colaterais contraindicaçõesQuais são os efeitos colaterais?

Apesar de ser um mineral benéfico, o suplemento de picolinato de cromo não deve ser utilizado por muito tempo. Normalmente o período indicado para o consumo é de 3 a 6 meses no máximo.

Existem certas pesquisas que mostraram alguns efeitos colaterais na ingestão da substância.

Entre os principais efeitos colaterais do picolinato, podemos listar:

  • Náuseas e mal-estar;
  • Dores de cabeça;
  • Hematomas;
  • Insônia;
  • Perda de apetite;
  • Bolhas na pele;
  • Sono inquieto.

Um outro efeito secundário negativo bastante registrado é o mau funcionamento dos rins e do fígado, que podem ocasionar problemas relacionados à insuficiência renal, por exemplo.

Além disso, distúrbios hepáticos e anemia também não são incomuns.

Lembrando que esses efeitos piores normalmente acontecem porque o usuário ingeriu uma dosagem muito além da recomendada.

Quais são as contraindicações?

Já que o picolinato de cromo altera no funcionamento da insulina e nos processos da glicose, os diabéticos não devem começar o consumo sem antes consultarem um médico. É muito importante lembrar-se disso.

Outras contraindicações do Picolinato de Cromo são:

  • Mulheres grávidas ou em fase de amamentação,
  • menores de idade,
  • pessoas maiores de 60 anos
  • e indivíduos com alguma doença devem evitar a ingestão e também procurar um médico para orientação.

É essencial não consumir o picolinato de cromo antes de conversar com um profissional.

Especialmente se você está fazendo algum tratamento em que precise usar medicamentos receitados, pois o suplemento pode interagir de maneiras inusitadas a eles.

Referências:
Does Chromium Picolinate Effectively Aid Weight Loss?
http://healthpsych.psy.vanderbilt.edu/HealthPsych/chromium.htm


Veja também nossos artigos mais acessados:

Whey Protein – Você precisa ler isso!

BCAA – Para que serve e benefícios

Creatina – Qual a melhor? Veja lista

Termogênico – Saiba tudo!

Tribulus Terrestris – Veja 10 Benefícios [REVELADOS]

L Carnitina Emagrece? Funciona mesmo? [ATUALIZADO]

Melatonina – O que é, para que serve [ATUALIZADO]

ZMA – O que é e para que serve [TUDO REVELADO]

Glutamina – O que é e para que serve [Veja 11 Benefícios]

Suplementos Alimentares: O que são e para que servem

Orlistat – O que é e para que serve [ATUALIZADO]

Treino de Musculação para Hipertrofia – [21 DICAS]

Maca Peruana: O que é, Para que Serve, Benefícios e Como tomar


Equipe Grande Atleta

Nossa equipe está muito bem representada por grandes profissionais ligados a musculação e esportes de alto rendimento. Contamos com Educadores físicos, Nutricionistas Esportivos, Fisioterapeutas e Médicos.

  • 1

Você pode gostar também

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *